Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

No Chão d'Água...

Ah, quem escreverá a história do que poderia ter sido? (Álvaro de Campos)

No Chão d'Água...

Ah, quem escreverá a história do que poderia ter sido? (Álvaro de Campos)

11.06.09

Amo-te, porque sim...


  Busquei nos alfarrabistas A síntese da fórmula, Em livros sem idade…   Em sociedades secretas Pesquisei mantras e códigos Vetustos…   A bruxas e magos Perguntei sobre rezas e esconjuros Estranhos…   Descodifiquei palavras simples E textos complexos, Em tomos de mestres…   E rendido ao espanto Que me torna escravo deste bem-querer, Simplesmente conclui:   - Amo-te, porque sim…   Em 11.Junho.2009, pelas 09h45
23.05.08

Post Scriptum


  “Podia dizer que estás na ternura e na beleza dos 50, mas não o vou fazer! Não o faço porque toda a tua atitude enquanto homem e pai é pautada pela ternura de actos e palavras e pela beleza como ser humano! Espero ter-te pelo menos durante mais 50 anos! Parabéns, pai! Tem um dia à tua semelhança! Beijo.”  Vitor Hugo, 15-11-2007, 00h12,24     Como dizer obrigado Se as palavras (...)