Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

No Chão d'Água...

Ah, quem escreverá a história do que poderia ter sido? (Álvaro de Campos)

No Chão d'Água...

Ah, quem escreverá a história do que poderia ter sido? (Álvaro de Campos)

24.11.09

Vagarosa tarde


  Vagarosa tarde, quase noite, porque vieste agora acordar os meus olhos vazios para a luz preguiçosa?   Diabólica noite de passos segredados, que trazes, à solta, nos cabelos de sombras ou nos pingos inquietos dum beiral incómodo?   Sonolenta aragem fria, impiedosa invasora das frinchas das casas sem vivalma, porque devassas a minha pele tisnada do sol que foi?   Derradeira esquina, que tropeças na avenida larga, onde os candeeiros jorram o caudaloso (...)