Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

No Chão d'Água...

Ah, quem escreverá a história do que poderia ter sido? (Álvaro de Campos)

No Chão d'Água...

Ah, quem escreverá a história do que poderia ter sido? (Álvaro de Campos)

28.11.09

Olhar de pedra



Violáceo olhar de pedra

enxergando a distância dum adeus

em ti o sorriso nunca medra

tu só conheces a frieza dos breus!


Nenhum trinado te faz ceder

à beleza do passaredo que voeja

que esse olhar não sabe ver

para além da solidão que de ti goteja.


Os prados verdes e serenos

os montes erectos e altivos

os bosques rudes e vivazes


nada é antidoto para os venenos

que alimentam teus olhos mortos-vivos

num corpo de medos tão mordazes.

 


by Paulo César, em 28.Nov.2009, pelas 09h45

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.