Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

No Chão d'Água...

Ah, quem escreverá a história do que poderia ter sido? (Álvaro de Campos)

No Chão d'Água...

Ah, quem escreverá a história do que poderia ter sido? (Álvaro de Campos)

04.11.09

Grito do Ipiranga


 

Vinde vós os que calais as mãos calejadas

e tropeçais nas palavras a esconder razão

e com olhares pequenos alcançais o sonho

de escalar a dor e a imensidão


Vinde e desafiai o vasto e o longe

quietas silhuetas que o luar descobre

cavai as distâncias em passos de febre

veredas sinuosas onde o suor é nobre


aviltadas figuras de tantos silêncios

rostos de granito sem alma nem deus

frios corpos onde o sangue coalha


cravai a revolta na ponta da espada

esconjurai o medo, movei terra e ceus

erguei o pendão, preparai a batalha

 

(que a hora é de quantos não têm voz,

mas têm dignidade!)

 

by Paulo César, em 04.Nov.2009, pelas 19h15