Segunda-feira, 5 de Outubro de 2009
Vale a pena (sempre)

 
No prolongamento do sonho
Lanço papagaios de papel
Presos por fios de futuro

Coloridos, quais arco-íris,

Que forjam a ponte suspensa

Na abóbada do horizonte
Plúmbeo!


Algures um silvo agudo,
Um sinal, uma mancha,
Uma espécie de aguarela

Alastrando no espelho celeste,

Define os contornos da loucura

Que inunda os dias repetidos

E austeros!


Jamais o nunca definitivo,

Ainda que recuses a radical

Ousadia do não ou do sim
E busques na intermitência

Das palavras nuas e perversas

A intrepidez da inocência
Fugaz!


Ide! Vede! Perscrutai na espuma

Das ondas o ronronar dos abismos

Oceânicos! No rasto das vagas

Que se despem nos areais desérticos

Encontrareis a volúpia da nudez

Que incendeia o clímax irrepetível

Do orgasmo!


Aprendereis o dom da meditação!

E ainda que o ruído alague o espaço

Transformando em pântanos de lodo movediço

As saliências da geografia humana

Sobrarão o silêncio e a paz

Nas chispas do olhar vagabundo

Dos homens de boa vontade!


E, apesar de tudo,
Vale a pena acreditar!
 
 
by Paulo César, em 02.Mar.2009, pelas 22h30


sinto-me: confiante
Palavras chave: , , ,

publicado por Paulo César às 16:36
link do post | comentar | Adicionar às escolhas
|

Setembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


Sobre mim
Pesquisar neste blog
 
Posts recentes

A morte verdadeira

O NATAL POSSÍVEL

N A D A

A melhor maneira de amar,...

Amor platónico

Do alto da minha janela

Só por amor

As minhas asas

Alter ego

Talvez...

Arquivos
Palavras chave

25 abril(3)

alegria(5)

amizade(4)

amor(32)

Análise(3)

angustia(3)

asas(5)

busca(14)

desejo(5)

dor(4)

esperança(9)

eu(5)

futuro(6)

gratidão(10)

grito(5)

homem(4)

interrogação(4)

introspecção(8)

liberdade(11)

luta(3)

luz(4)

memória(7)

morte(5)

murmúrio(6)

natal(3)

natureza(4)

olhar(3)

paixão(7)

palavras(10)

passado(3)

paz(4)

poema(5)

poemas(35)

poesia(148)

saudade(17)

sentimentos(3)

silêncio(10)

sonho(21)

terra(4)

vida(5)

todas as tags

Ligações
Participar

Participe neste blog

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds