Segunda-feira, 21 de Setembro de 2009
Imperfeita perfeição

 

A propósito do poema "Concretizar", de Maria Luisa Adães

 

 

O concreto é

pedaço de nada que a vida incendeia,

vagalume que tremeluz na noite

fria e de cuja fosforescência ressalta

o sorriso das crianças!

 

O concreto é

ser avião, cujas asas de ferro imitam

o pássaro de fogo de cuja gaiola dourada

se liberta a vontade de ir ao infinito,

sem temores, nem cedências!

 

O concreto é

caminhar pelos carreiros que o formigueiro

desenha na vertigem da marcha insolente

e atingir o cume da imaginação

no beco da dor e da dúvida!

 

O concreto é

tornar-se amador do amor todo,

comezinho e libertino,

e plantar sombras ao sol do meio-dia

nos adros do rumor e do silêncio!

 

O concreto é

a imperfeita perfeição

do teu olhar que recusa ver mais longe

como se o futuro fosse a  vela extinta

de cujo pavio já não se soltasse luz!

 

O concreto é...

tudo o que se concretiza

mesmo quando a imagem no espelho

já só mostra uma parte do todo

que foste e se transformou, porque o incorporaste

no fundo mais profundo de ti mesmo!

 

O concreto és tu!

E é em ti, e por ti,

que tudo o que teimas negar

se concretiza!

 

by Paulo César, em 21.Set.2009, pelas 22h00

 


sinto-me: firme e definitivo

publicado por Paulo César às 22:07
link do post | comentar | Adicionar às escolhas
|

2 comentários:
De rosafogo a 25 de Setembro de 2009 às 23:59
Mas tanta coisa bela que encontro por aqui, mal me ausento um bocadinho e é o que se vê. Tanta
inspiração, tanta palavra bem colocada, que grande Poeta que és, já te disse mas dá-me sempre vontade de voltar a dizer-te.
Nada de novo?

Bom, por agora e depois de ler os poemas que ainda não conhecia, resta-me
desejar-te bom fim de semana
beijo
da amiga natalia


De M.Luísa Adães a 26 de Setembro de 2009 às 09:21
Muito boa a sua análise no seu poema "concretizar"

e posso acreditae
é como uma luz que se abriu
no meu caminho
"onde nada se concretiza"

Mas creio ter razão quando diz:

"O concreto és tu!
E é em ti, e por ti,
Que tudo o que teimas negar
se concretiza!"

Gostei e agradeço a atenção que deu ao meu poema.

Rosafogo me alertou e aqui estou, na sua casa, no seu recanto, sem ter sido convidada.

Obrigada!Apareça no meu recanto quando quiser.

Maria Luísa


Comentar post

Setembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


Sobre mim
Pesquisar neste blog
 
Posts recentes

A morte verdadeira

O NATAL POSSÍVEL

N A D A

A melhor maneira de amar,...

Amor platónico

Do alto da minha janela

Só por amor

As minhas asas

Alter ego

Talvez...

Arquivos
Palavras chave

25 abril(3)

alegria(5)

amizade(4)

amor(32)

Análise(3)

angustia(3)

asas(5)

busca(14)

desejo(5)

dor(4)

esperança(9)

eu(5)

futuro(6)

gratidão(10)

grito(5)

homem(4)

interrogação(4)

introspecção(8)

liberdade(11)

luta(3)

luz(4)

memória(7)

morte(5)

murmúrio(6)

natal(3)

natureza(4)

olhar(3)

paixão(7)

palavras(10)

passado(3)

paz(4)

poema(5)

poemas(35)

poesia(148)

saudade(17)

sentimentos(3)

silêncio(10)

sonho(21)

terra(4)

vida(5)

todas as tags

Ligações
Participar

Participe neste blog

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds